12/11/2019 às 11h02min - Atualizada em 12/11/2019 às 11h02min

SOBERANOS SEM CREDIBILIDADE

2020 COMEÇARÁ NEGATIVO


A Moody’s (agência de classificação de risco) informou nessa segunda-feira (11) que sua perspectiva para a credibilidade de bônus soberanos em 2020 é negativa.
Explicou que “eventos de risco estão crescendo, o que aumenta o espectro de reversões nos fluxos de capital que cristalizariam vulnerabilidades enfrentadas pelos soberanos mais fracos”. E acrescentou que o cenário global está ficando menos previsível para os 142 bônus soberanos que avalia, incluindo US$ 63,2 trilhões em dívidas pendentes.

Os soberanos (ou global bonds) são os títulos que o governo brasileiro lança nos Estados Unidos, devendo ser adquiridos por investidores internacionais, de vários países. São garantidos, portanto, pela República Federativa do Brasil. Não se trata de uma simples empresa ou um banco lançando os papéis.

A explicação pelo problema é de que um ambiente político doméstico (Bolsonaro, claro...) e geopolítico perturbador e imprevisível (Trump versus China, claro...) está forçando a desaceleração gradual na tendência de crescimento do PIB (Produto Interno Bruto), agravando gargalos estruturais de longa data e aumentando o risco de choques econômicos ou financeiros.

Aliás, a Moody’s diz que o ambiente político conturbado está “enfraquecendo” instituições globais e nacionais e reduzindo a capacidade de absorção de choques dos bônus soberanos com altos encargos de dívidas e baixos amortecedores fiscais.

Os “soberanos” entram em choque e nossa “soberania”, ó, fica desse tamanhinho...
 
Leia também na IstoÉ.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Daqui&Dali Publicidade 1200x90