03/10/2019 às 06h24min - Atualizada em 03/10/2019 às 06h24min

MUNDO EM QUEDA

BOLSAS DESPENCAM POR TODA PARTE

 
As Bolsas de Valores europeias despencaram quase 3% nesta quarta-feira, com seu pior dia desde dezembro. Entre os motivos, a guerra comercial entre EUA e Europa e os dados econômicos fracos sobre o mercado de trabalho americano aumentando o medo de crise na economia global. O índice FTSEurofirst 300 caiu 2,76%, a 1.484 ponto. O índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 2,7%, a 378 pontos.
As perdas no Reino Unido foram as mais dramáticas, com o FTSE 100 registrando sua pior sessão em três anos e meio, depois que o primeiro-ministro, Boris Johnson, apresentou uma proposta final do Brexit que diminui as chances de uma saída da União Europeia com um acordo.
 
Na Europa, a Airbus caiu 2% e o STOXX 600 (índice financeiro com número fixo de 600 componentes, entre eles grandes, médias e pequenas empresas capitalizadas em 18 países da Europa - Áustria, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Islândia, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Holanda, Noruega, Portugal, Espanha, Suíça, Suécia e Reino Unido) devolveu quase todos os ganhos do mês passado, após a Organização Mundial do Comércio (OMC) autorizar que os Estados Unidos imponham tarifas de importação no valor de US$ 7,5 bilhões em produtos europeus.
 
Os mercados globais de ações mal estão se recuperando de uma prolongada disputa comercial entre EUA e China, que provocou fortes quedas nos indicadores do setor manufatureiro nesta semana, tanto nos Estados Unidos quanto na Europa. As perdas levaram o índice pan-europeu a ficar abaixo da média móvel de 100 dias, o que pode levar a mais perdas.
Em Londres, o índice Financial Times recuou 3,23%. Em Frankfurt, o índice DAX caiu 2,76%. Em Paris, o índice CAC-40 perdeu 3,12%. Em Milão, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 2,87%. Em Madri, o índice Ibex-35 registrou baixa de 2,77%. Em Lisboa, o índice PSI20 desvalorizou-se 1,35%.
 
Leia mais no UOL.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »