06/09/2022 às 07h58min - Atualizada em 06/09/2022 às 07h58min

D&D PREVIU:

CIRO QUER SER BOLSONARO.


 
Lula esqueceu de ler o Daqui&Dali do dia 28 de maio. Se tivesse lido, saberia com certeza que Ciro não quer apoiar ninguém – ele quer substituir Bolsonaro no coração dos eleitores. Quer ser o novo anti-Lula – por isso precisa bater ainda mais forte contra Lula. E é claro que isso tem um preço.
 
Essas novas agressões de Ciro contra Lula na rádio Jovem Pan provocaram um efeito inverso ao desejado pelo candidato. As baixarias foram tão grandes que ele foi abandonado publicamente por eleitores. Foi o que fez, por exemplo, a pesquisadora Ethel Maciel, que se destacou no combate à Covid-19, durante a pandemia:
Eu já votei em Ciro, mas ele virou uma figura triste. Ressentido. Violento. Não será presidente e não tem nem a humildade nem a generosidade que tanto exige de Lula. Se acha superior a todos. Não está à altura do que o cargo exige. Que fim triste de carreira.
 
Também o coronel Marcelo Pimentel se manifestou sobre seu arrependimento por ter votado em Ciro no passado. Com esses tiros pelo culatra, Ciro pode acabar favorecendo a vitória de Lula já no primeiro turno, com seus eleitores adotando o voto útil já no primeiro turno. Na mais recente pesquisa IPEC, Lula teve 44% dos votos e 49,5% dos votos totais.
É exatamente isso que Ciro quer. O objetivo é apresentar-se como o novo anti-Lula, de olho na eleição de 2026. Conta que Lula não se candidatará e ele poderá então reinar, herdando o resto de força bolsonarista. Vai acabar ficando mais fraco...
 
Leia também no Brasil247.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »