02/03/2021 às 09h38min - Atualizada em 02/03/2021 às 09h38min

​ACUSAÇÃO E DEFESA

TRABALHO CASADO?


A nova promotora que investiga Flávio Bolsonaro,  Carmen Eliza, é madrinha de casamento de Luciana Pires, a advogada de... Flávio Bolsonaro. "Pode isso, Terta?", poderia perguntar o Pantaleão de Chico Anysio.
 
Carmen Eliza é a nova encarregada de investigar Flávio Bolsonaro no inquérito que apura se o senador cometeu o crime de falsidade ideológica eleitoral. E sua "afilhada de casamento" é Luciana Pires, advogada do filho mais velho do presidente Bolsonaro.
 
Carmen também participou do dia da noiva de Luciana, no Copacabana Palace, com direito à piscina do hotel. O que é justíssimo - afinal, antes de Luciana se tornar advogada de Flávio, as duas costumavam postar fotos juntas.
 
Como talvez dissesse Chico Anysio, "No Brasil de hoje, os cidadãos têm medo do futuro. Os políticos têm medo do passado."
 
Mas, apesar de tudo ser muito surpreendente, não podemos deixar de dizer "Meu Deus!" com os áudios da Operação Spoofing que revelam que a procuradora Laura Tessler queria destruir a imagem do ex-presidente Lula, a quem chamava de forma pejorativa de "9", mesmo sem provas de crimes.
 
Como pode agir um juiz, diante de tudo isso? Orientar os promotores, como fazia Moro?
 
Veja mais em Época e Brasil247.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »