22/03/2020 às 17h15min - Atualizada em 22/03/2020 às 17h15min

​LULA PEDE DESCULPAS A XI JINPING

E CHAMA EDUARDO BOLSONARO DE PUXA SACO DE TRUMP

 
Lula não é mais presidente. É um ex-presidente e ex-torneiro mecânico. Mas definitivamente é o grande líder deste país. A carta que ele enviou a Xi Jinping, presidente da China, é a melhor prova. Ele pede desculpas ao presidente chinês pelo comportamento do deputado Eduardo Bolsonaro. Aqui entre nós, uma das coisas mais lamentáveis dessa família indesculpável. E Lula não ficou nisso. Disse também que Bolsonaro é “reles bajulador” da Casa Branca, é servil em defesa dos interesses do presidente americano, Donald Trump.
 
Para refrescar a memória, na semana passada, Eduardo Bolsonaro abriu uma crise diplomática ao culpar a China pela pandemia do coronavírus!!! O embaixador de Pequim no Brasil, Yang Wanming, obviamente retrucou e acusou o deputado de estar servindo de porta-voz para os interesses do governo americano, que vem adotando exatamente a mesma estratégia em relação aos chineses. O que parece óbvio a qualquer um que tenha dois segundos para raciocinar.
 
Para Wanming, Eduardo Bolsonaro retornou de Miami, onde esteve com Donald Trump, com um “vírus mental”. O que nós poderíamos chamar de bolsonavírus. “Aconselhamos que não corra para ser o porta-voz dos EUA no Brasil, sob a pena de tropeçar feio”, disse.
 
A resposta do governo brasileiro, através do chanceler Ernesto Araújo, exigiu que o embaixador se retratasse, o que jamais ocorreu.
 
Para Lula, o governo de Jair Bolsonaro adotou uma política externa “servil” com relação à Casa Branca, um reles bajulador. E podemos dizer que talvez nunca antes na história deste país um presidente da República tenha sido tratado tão fortemente como um reles puxa-saco.
 
Leia também em Notícias UOL e DCM.

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »