16/01/2024 às 08h38min - Atualizada em 16/01/2024 às 08h38min

TRUMP AVANÇA COM FOLGA.

VENCEU A PRIMÁRIA INICIAL.

Trump vence em Iowa

Trump vence em Iowa


 














Donald Trump (ex-presidente dos Estados Unidos), conquistou uma vitória decisiva na primeira primária republicana de 2024 em Iowa nesta segunda-feira, consolidando sua liderança dentro do partido, apesar de enfrentar diversas questões legais.
 
O governador da Flórida, Ron DeSantis, garantiu a segunda posição, ultrapassando a ex-embaixadora da ONU, Nikki Haley, na disputa para ser a principal alternativa a Trump. O “problema” é que Trump, com 51% dos votos, de acordo com a Edison Research, marcou uma margem de avanço sem precedentes na história das primárias republicanas de Iowa (informação da Reuters).
Com 95% dos votos esperados já contados, a liderança de Trump sobre os rivais (com 21% para DeSantis e 19% para Haley), destaca ainda mais sua dominação nas pesquisas nacionais. O empresário Vivek Ramaswamy, que obteve pouco menos de 8% dos votos, retirou sua candidatura presidencial e endossou Trump. O desempenho trumpista demonstrou que sua popularidade mantém-se entre os eleitores republicanos, apesar das controvérsias relacionadas à sua participação no ataque ao Capitólio e às inúmeras acusações criminais relacionadas à eleição de 2020.
 
Os resultados revelaram o apelo abrangente de Trump, vencendo maiorias entre homens e mulheres, conservadores e independentes. A vitória de Trump em Iowa, por exemplo, destaca a aderência formidável que ele mantém sobre o Partido Republicano, tornando improvável uma rápida consolidação do campo contra ele, de acordo com o estrategista republicano Jimmy Centers.
 
DeSantis e Haley, apesar de suas posições inferiores,  permanecem comprometidos em continuar suas campanhas. DeSantis, que investiu pesadamente em Iowa, enfatizou a importância do estado em sua estratégia de campanha. Haley, impulsionada por sua ascensão nas pesquisas recentes, se posicionou como uma principal desafiante a Trump.
 
O resultado da primária de Iowa prepara o terreno para as próximas primárias em New Hampshire, onde Trump mantém uma liderança menor sobre Haley, com DeSantis ficando para trás. A estratégia de Trump de projetar inevitabilidade ao pular debates e evitar esforços tradicionais de campanha parece estar funcionando a seu favor. Mostra um Trump mais afinado com os novos tempos.
 
Os habitantes de Iowa enfrentaram temperaturas extremamente frias para participar da primária, com cerca de 1.600 locais sediando o evento. Mas valeu. Apesar das preocupações com a menor participação devido ao clima, os apoiadores dedicados de Trump podem ter contribuído para o seu sucesso. Ao contrário de uma eleição típica, a primária de Iowa exige a participação pessoal, com os eleitores se reunindo em pequenos grupos para lançar votos secretos.
 
O Partido Democrata em Iowa não realizou primárias na segunda-feira, tendo reorganizado seu calendário de indicações. Os democratas votarão por correspondência, com resultados esperados em março. Iowa, historicamente influente nas campanhas presidenciais, tem inclinado consistentemente para o lado republicano nas eleições recentes.
 
Like on Brazilian streets, it was silly, shit...
 
Leia também no Brasil247.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »